• Loris Valim

ALMÔNDEGAS DE SEMENTE DE GIRASSOL



Se você não sabia o que fazer com semente de girassol, além de alimentar pássaros, depois dessa receita você vai promover ela a ingrediente do mês!

Sei que quando usamos para a receita o nome de algo que tradicionalmente utiliza outros ingredientes, muitas pessoas podem fazer questionamentos. Só que como a ideia do blog é trabalhar uma alimentação saudável, promovendo novas experiências e testando possibilidades, muitas vezes a referência é um prato comum ao nosso dia-a-dia, e por isso o "teste" acaba recebendo o mesmo nome, que embora não tenha o sabor igual, vai ter muitas características semelhantes à versão original.


Algumas considerações quanto o preparo da receita:

- É importante deixar as sementes de girassol de molho por pelo menos 8 horas para eliminar os anti-nutrientes e com isso, potencializar a absorção de nutrientes pelo organismo.

- Com a demolha, as sementes ficarão mais macias para o preparo, auxiliando na textura correta e facilitar na hora de modelar as almôndegas.

A semente de girassol, embora ainda pouco inserida no dia-a-dia das pessoas, é um alimento rico em nutrientes. Possui vitamina E, vitamina B1, além de fonte de magnésio, ferro, fósforo e cálcio. Na culinária, essas sementes são super versáteis, podem ser utilizadas em receitas doces e salgadas, para preparar pastas, molhos e até como aperitivos, basta apenas torra-las um levemente na frigideira com um pouco de azeite, sal, pimenta e os temperos que preferir.


No blog tem a receita da Pasta de Semente de Girassol , que é uma ótima alternativa de substituição para pessoas alérgicas ao amendoim.

Essas almôndegas são ótimas para servir de aperitivo acompanhadas do seu molho favorito, lanche da tarde ou como prato de acompanhamento para almoço ou jantar.

Espero que gostem da receita e se testar, não esquece de me contar o que achou!

Beijos e até a próxima!

Loris.

ALMÔNDEGAS DE SEMENTE DE GIRASSOL

Ingredientes​


1 1/4 xícara de semente de girassol

1 colher de sopa de vinagre de maçã

1 colher de chá de molho shoyo (sem glutamato monossódico)

3 colheres de sopa de azeite de oliva

1 cenoura média ralada (ralar fino)

1/2 cebola picada em cubinhos

1 dente de alho ralado

Punhado de tempero verde picado (salsa e cebolinha)

1 colher de chá de orégano

1/2 colher de chá de alho em pó

1 colher de chá de páprica defumada

1/2 colher de chá de sal

1/4 colher de chá de pimenta do reino moída na hora

Pitada de pimenta calabresa (opcional)

Modo de Preparo

1. Deixe as sementes de girassol de molho por 8 horas. Escorra e descarte a água.

2. Coloque no processador de alimentos, 1 xícara da semente de girassol, o vinagre de maçã, o azeite de oliva e o molho shoyo. Bata até obter uma pasta homogênea.

3. Em uma tigela, acrescente a pasta e os demais ingredientes, mexa com as mãos para misturar os ingredientes.

4. Modele as almôndegas e disponha as bolinhas em um tabuleiro.

5. Leve ao forno pré aquecido a 180°C por 35-40 minutos. Até que estejam douradas por fora e macias por dentro.

6. Retire do forno e coloque-as sobre uma grade de resfriamento por uns 5 a 10 minutos, isso vai garantir que elas fiquem mais crocantes. Bom apetite!

Notas

- Você pode guardar as almôndegas no refrigerador por uns 3 dias e para que fiquem crocantes novamente, basta coloca-las no forno ou na Airfreyer por uns 5 minutos.


© 2017 Bem Mais que Salada | Loris Valim